Hiperêmese Gravídica: Entenda a complicação que afeta muitas mamães

Hiperêmese Gravídica: Entenda a complicação que afeta muitas mamães

Conheça a complicação na gravidez que vai muito além de náuseas e vômitos.

Kate Middleton, a duquesa de Cambridge é como muitas futuras mamães. Grávida de seu terceiro filho, a duquesa revelou sofrer dos sintomas da Hiperemêse Gravídica (HG). Além de provocar náuseas e vômitos bem mais intensos que o normal, a HG pode causar desidratação e danos psicológicos para a mãe.

Um estudo publicado recentemente pela Universidade Plymouth, do Reino Unido, mostrou que a doença afeta 1,5% das gestantes e pode acarretar em fortes desequilíbrios emocionais. De acordo com ginecologistas, os sintomas da HG surgem por efeitos dos hormônios da placenta, o Beta HCG, mas também, por fatores emocionais, como momentos estressantes e delicados da gestação, doenças e hereditariedade.

A hiperemêse gravídica G geralmente surge nos primeiros três meses, e pode durar toda a gestação. No Brasil, é considerada rara atingindo cerca de 150 mil mulheres. Para saber se você possui HG, procure o seu ginecologista/obstetra e fale dos sintomas. O tratamento inclui o alívio dos sintomas e acompanhamento do estado de saúde do seu bebê.

 

Fonte: http://revistacrescer.globo.com/Gravidez/noticia/2018/02/hiperemese-gravidica-pode-causar-danos-saude-mental-das-gravidas.html

 

Sem Comentários

Postar um Comentário